Li muito sobre períodos Sabáticos, onde paramos por um determinado tempo para rever as coisas, criar novos projetos ou até mesmo um momento para não se fazer absolutamente nada. Achava difícil quase impossível adotar esta forma de viver em minha vida, mas não é que consegui e agora se tornou uma prática em muitos momentos…


Quem nunca se sentiu perdido como se estivesse no meio do nada?!?

Eu confesso que de tempos em tempos, preciso parar para ver por onde continuar.

Parece que a vida meio que dá um nó, e só consigo desatar este nó quando assumo que realmente estou precisando de um tempo pra mim.

Antes me culpava demais por estas paradas na vida, mas hoje me sinto muito à vontade para fazer isto.

Priorizar meu coração, meus sentimentos e minhas atitudes, faz de mim no recomeçar mais forte e segura e sem arrependimento dos próximos passos.

Todos os projetos precisam ser bem elaborados para serem executados, certo?

Nossa VIDA é um grande projeto, e precisa muito de toda nossa dedicação, esforço para que tudo dê certo, assim como em qualquer coisa que nos determinamos a fazer, precisamos parar para observar se tudo está indo como planejamos.

Parar um pouco e simplesmente viver… sem muitas cobranças, datas pré agendadas, tem quês, etc… faz de mim mais leve e sensata, feliz e realizada, e plena para fazer as minhas escolhas e principalmente ser dona da minha vida e nada mais…

Parar para simplesmente SER sem precisar TER….

Isso faz bem pra alma e para o coração….

Experimente!

 

Marta Rentes